Notícias › 11/09/2017

Em Cartagena, o Papa Francisco alenta solução para a grave crise da Venezuela

Após rezar o Angelus na Igreja de São Pedro Claver na cidade colombiana de Cartagena, o Papa Francisco expressou sua proximidade ao povo da Venezuela e alentou a que se encontre uma solução para a grave crise que afeta o país.

“Deste lugar, quero assegurar minha oração por cada um dos países da América Latina, e de maneira especial pela vizinha Venezuela”, disse o Santo Padre.

Francisco também expressou sua “proximidade a cada um dos filhos e filhas dessa amada nação, como também aos que encontraram nesta terra colombiana um lugar de acolhida”.

“Desta cidade, sede dos direitos humanos, faço uma chamada para que se rechace todo tipo de violência na vida política e se encontre uma solução para a grave crise que se está vivendo e afeta a todos, especialmente os mais pobres e desfavorecidos da sociedade”, disse o Papa.

Francisco também fez votos para que “a Virgem Santíssima interceda por todas as necessidades do mundo e de cada um de seus filhos”.

“A todos desejo um feliz domingo. Por favor, não se esqueçam de rezar por mim”, concluiu.

Em mais de uma ocasião o Papa Francisco expressou sua preocupação pela Venezuela, onde a escassez de mantimentos e remédios é cada vez pior; e onde boa parte da população sofre a repressão violenta por parte do governo.

No voo que o levou de Roma a Bogotá no dia 06, o Santo Padre enviou um telegrama ao Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em que disse estar “rezando para que todos na nação possam promover os caminhos de solidariedade, justiça e concórdia. Invoco sobre todos vocês as bênçãos de paz de Deus”.

Do mesmo modo, ao culminar a Missa que presidiu na quinta-feira 7 de setembro no Parque Simón Bolívar em Bogotá, o Pontífice recebeu cinco bispos da Venezuela que lhe informaram sobre a piora da crise no país sul-americano.

Em declarações ao grupo ACI, o Arcebispo de Caracas, Cardeal Jorge Urosa, explicou que os prelados puderam manifestar ao Papa “o afeto do povo e dos bispos venezuelanos, e expressar nossa preocupação pela situação tão difícil que está vivendo o povo da Venezuela”.

Por ACI Digital

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

Comunidade Emanuel Brasil 2014 - 2017 © Todos os direitos reservados