Comunidade Emanuel do Brasil

Uma casa São José se abre no Brasil

Os jovens da América Latina que querem discernir uma vocação sacerdotal na Comunidade Emanuel podem a partir de agora fazer aqui no Brasil: a Casa São José acaba de abri suas portas em Salvador, na Bahia, bem pertinho da Paroquia Nossa Senhora dos Alagados, confiada a Comunidade Emanuel.

A Comunidade Emanuel já tem há muitos anos uma Casa São José em Namur, na Bélgica e outra em Abidjan, Costa do Marfim, ambas com trabalhos de grande reputação e já forneceram em torno de 200 sacerdotes e alguns bispos. E agora, desde o último 22 de fevereiro, há uma casa são José na Bahia, Brasil. Sua vocação é acolher as vocações sacerdotais da América Latina para propor o sério discernimento do Ano São José e uma formação sacerdotal conforme as exigências da Igreja e a norma de formação dos Estatutos da Associação Clerical da Comunidade Emanuel.

Seu nome é Casa São José (CSJ – CASA SÃO JOSÉ). Ela reúne os propedêuticos e os seminaristas da América Latina membros da Comunidade Emanuel para o serviço da Igreja sobre este continente. Ela acontece na língua portuguesa e é beneficiada com curso de francês no Ano São José na preocupação de garantir aos jovens a possibilidade de viverem em comunhão concreta com os outros seminaristas e padres da Comunidade.

Situada no hemisfério sul, o ano são José começa em fevereiro e termina em dezembro. A proximidade com a ESM (Emmanuel School of Mission) de Salvador e a Universidade Católica, onde dois padres da Comunidade Emanuel dão aula, permite que ela seja beneficiada por uma boa dinâmica missionária e o sustento de bons professores.

 

Desafios numerosos

Os desafios são numerosos, o primeiro é responder ao chamado do Senhor na Igreja que está na América Latina com seus desafios próprios e no carisma do Emanuel. Em poucas palavras, os desafios na América Latina são o surgimento e o crescimento do secularismo e das injustiças sociais (1% possuem o equivalente aos bens de 70 % dos brasileiros) e a multiplicação das igrejas e seitas.

Além disso, trata-se de se consolidar o caminho vocacional na América Latina a fim de dar mais oportunidades e mais meios aos jovens para responder a vocação sacerdotal. Este caminho começa por uma vida de maisonnée com a Comunidade Emanuel local (trata-se de grupo de partilha semanal dos irmãos de diversos estados de vida da comunidade. Todos os membros da comunidade, independemente de seu estado de vida, participam). Depois acontece o Caminho Cura d’Ars à distância durante 9 meses (em 2018 são 06 participantes), a ESM de Salvador (10 estudantes em 2018) e o ano São José.
Enfim, convém operar uma justa autonomização financeira da casa com os fundos da América Latina

 

Esperança

A Esperança é a principal virtude que caracteriza a pequena Casa São José, entre suas duas grandes irmãs de Namur e Abidjan. O ano começou a 22 de fevereiro, Festa da Cátedra de São Pedro, com um só candidato original do Brasil para o ano São José e um seminarista de Nicarágua em estágio da Arca de São Paulo até dezembro.

Portados pela graça de Deus, uma boa fraternidade sacerdotal de três padres e uma dinâmica Comunidade Emanuel local, nós esperamos ver crescer a CSJ em 2019 com a bênção do Papa na JMJ do Panamá.

A equipe da SJ é solida e manifesta a comunhão dos estados de vida com os dois padres e três outros membros da Comunidade Emanuel: uma solteira e uma família.

O projeto é encorajado pela Igreja local, especialmente a Arquidiocese de Salvador, primado do Brasil que não somente acolhe, mas sustenta a casa de formação sacerdotal se dizendo pronto a incardinar eventuais candidatos ao sacerdócio. “Este projeto é uma esperança nova para a formação de nossos padres no seminário diocesano” (Dom Gilson, bispo auxiliar de Salvador, encarregado da formação sacerdotal).

Para concluir, eis uma palavra forte do Papa Francisco aos bispos do Brasil após as JMJ do Rio em 2013: “Queridos irmãos no episcopado, é necessário ter a coragem de levar a bom termo uma revisão das estruturas de formação e da preparação do clero e dos leigos da Igreja que está no Brasil. Uma vaga prioridade de formação não é suficiente, nem documentos ou reuniões. Falta a sabedoria prática… ”

 


Para saber mais

O ano São José é um tempo para se colocar na escuta de Deus para aqueles que se coloca a questão do sacerdócio. Ano de fundação espiritual que acompanha jovens homens em seu discernimento. Eles receberão os meios para discernir sua vocação sacerdotal em um clima de oração e formação. O ano São José propõem uma formação humana espiritual, intelectual e comunitária e um duplo discernimento: o do sacerdócio e o chamado no seio da Comunidade Emanuel.

Você está inquieto por esta questão do sacerdócio? Contate o responsável do serviço vocacional da Comunidade Emanuel.

Padre Xavier Bizard

Você está em Casa de Formação Sacerdotal
→ Ser Padre hoje

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.