Comunidade Emanuel do Brasil

Alegrai-vos no Emanuel – Jubileu de 20 anos no Brasil

Para festejar e fazer memória dos 20 anos da graça do Emanuel presente no Brasil e mais particularmente na Cidade de São Paulo, os membros da Comunidade Emanuel se reuniram no final de semana prolongado de 07 de setembro para um tempo de louvor e ação de graças.

Os três dias foram de muita alegria e gratidão a Deus. Mas também foram dias de relembrar as principais bases de nosso carisma e ao mesmo tempo festejar e partilhar com os irmãos na alegria simples do Emanuel.

PRIMEIRO DIA – Sábado – Pano de fundo – carisma da adoração
Pierre Goursat

O dia começou com um forte tempo de louvor onde o Senhor nos convidou a nunca nos cansarmos de suplicar a Ele e um momento de reflexão sobre a história de Pierre Goursat, fundador da Comunidade Emanuel cuja vida contém as principais raízes de nosso carisma. Uma vida centrada nos sacramentos, principalmente Eucaristia e Confissão, na Sagrada Escritura, na Humildade e no abandono a graça da Efusão do Espírito Santo.

Ele era uma pessoa que passava despercebido, sua humildade o escondia, mas apesar de escondido ele produzia muitos frutos. Isso acontecia porque ele sabia que não era possível com forças humanas, então ele colocava sua confiança nas forças de Deus. Ele procurava crescer na intimidade com Deus amando-o e deixando-se amar. A chave para compreendermos Pierre Goursat e a os frutos de sua vida é a humildade.

José Mario e Suzana dando o ensino sobre Pierre

Oração

Além da missa concelebrada pelos nossos queridos padres Rafael Fornasier e Xavier Bizard e um forte tempo de adoração, tivemos também, um momento especial para refletirmos sobre a Graça da oração na Comunidade Emanuel, com nossa caríssima irmã Cristiane Rigolin.

A Efusão do Espírito Santo nos ajuda a crescer na oração. Pierre costumava dizer: Antes de tudo um pequeno louvor. Algo muito simples, mas que nos ajuda a cada momento de nosso dia pouco a pouco irmos tomando consciência da presença de Deus Conosco.

Na comunidade há também uma graça forte no Adorarmos juntos, isso no incendeia e nos conduz a uma confiança que ultrapassa a tudo. Precisamos pedir a Deus esta graça para que nos transformemos, senão corremos o risco de ficarmos na superfície de nós mesmos.

Os Estatutos da Comunidade Emanuel diz que a graça fundadora da comunidade vem da Adoração.  Esta adoração significa essencialmente encontro com Deus. Por isso todos os membros da comunidade passam um longo tempo quotidiano em adoração, procuram participar da Eucaristia quotidiana e nutrem-se na frequência assídua ao Sacramento da Reconciliação.

SEGUNDO DIA – Domingo – Pano de fundo – carisma da compaixão
Laboratório de Misericórdia

Domingo é dia do SENHOR, dia em que somos particularmente convidados a fazer memória da Paixão, morte e Ressurreição de Cristo. Por isso este dia foi particularmente marcado pela Celebração Eucarística.

À luz desta graça refletimos sobre a VIDA FRATERNA – UM LABORATÓRIO DE MISERICÓRDIA.

Com a ajuda do padre Xavier Bizard refletimos sobre a importância vital da vida fraterna para vivermos com Jesus e como Jesus. Isso faz parte da vida de Deus, a essência da vida cristã. Seremos reconhecidos como cristãos se nos amarmos uns aos outros.

E na Comunidade Emanuel há um jeito próprio de vivermos isso. Nossa vida fraterna emana da nossa relação com Deus e não o contrário. A qualidade de nossa relação com Deus nos capacita a acolher. Não podemos esperar dos irmãos o que só Deus pode nos dar.

Missa dominical

Presidida pelo Padre Xavier Bizard e concelebrada pelo Padre Rafael Fornasier durante a celebração mergulhamos no mistério da ressurreição a partir das leituras do dia. À luz dela o padre Xavier nos conduziu a uma reflexão sobre Jesus que quer agir em nós de maneira pessoal:

“Jesus levou o homem surdo. Este homem é a figura do homem pecador que não consegue ouvir a Palavra. O ouvido também é o símbolo da vida do homem. É o ouvido que nos dá o equilíbrio. Então Jesus o tira da multidão. Perceba que Jesus não se relaciona conosco diluídos na multidão, Ele toma tempo com um homem apenas, como o pastor que abandona as 99 ovelhas do aprisco atrás de uma única ovelha que se perdeu. (E no evangelho ele faz isso o tempo todo). Ele olhou para o Céu (Comunhão com o Pai), soprou sobre ele (Espírito Santo) e se abriu o ouvido. E Jesus continua fazendo isso conosco por meio dos sacramentos. Ele quer fazer conosco uma obra de libertação.”

Em meio a nossa alegria por festejarmos o domingo da celebração tivemos a grande alegria de participar da entrada na Etapa de Acolhida e Discernimento do nosso caríssimo irmão Everton Moraes, amigo da comunidade que participou da Escola de Missão da Comunidade localizado em Manila.

Compaixão

Tudo nasce da adoração. O primeiro passo sempre é de Deus. E se realmente adoramos a Deus, Ele vem transformar nosso coração e passamos a querer partilhar a alegria e a misericórdia que recebermos Dele com os outros. A adoração muda nosso olhar e nos faz ter necessidade de ir ao encontro do outro. E quem é este outro? Aquele que está ao nosso lado.  E também aquele que mais precisa.

Neste contexto de reflexão e a luz do mistério da Ressurreição à tarde cantamos o Terço da Misericórdia intercedendo pelos projetos e missões comunitárias para que segundo o nosso carisma continuemos a servir Cristo e sua Igreja.

 

Noite de Misericórdia

Um tempo de adoração, de receber a graça do perdão pelo sacramento da Reconciliação, de receber a graça da cura pela intercessão dos irmãos. Enfim um tempo de se deixar tocar pelo Senhor e acolher o Novo de Deus.

TERCEIRO DIA – SEGUNDA-FEIRA – Pano de fundo – carisma da evangelização
Enraizados na Igreja

Não evangelizamos sozinho, estamos inseridos numa Igreja. Por isso, o terceiro dia foi reservado para refletimos A Graça da Evangelização da Comunidade Emanuel na Igreja do Brasil.  Assim com a ajuda do nosso irmão Padre Rafael Fornasier, que durante quatro anos foi assessor na CNBB, retomamos as bases do nosso carisma à luz dos Estatutos e dos Costumes e com eles fizemos uma releitura de alguns pontos do documento número 100 da CNBB que fala sobre Comunidades de Comunidades.

A graça profunda da Comunidade brota da Adoração da qual brota a Compaixão e a Evangelização. E ainda no preâmbulo os estatutos fazem um link  com a Vida da Igreja. Nosso carisma tem um enraizamento na vida comunitária e na vida apostólica. Desde o início da comunidade sempre estivemos na Vida da Igreja. Trata-se de uma graça que devemos nos apropriar. Trata-se de uma graça que não é exclusiva nossa. Mas o que importa é que podemos nos beneficiar dos Tesouros da Igreja:

  • Docilidade ao Espírito Santo
  • Escuta da Palavra de Deus (meditação e estudo)
  • Intercessão de Maria
  • Experiência de Vida Litúrgica
  • Cooperação entre todos os Estados de Vida

Tríplice Função: Profética (chamados a anunciar); sacerdotal (chamados e rezar por nós e pelos irmãos) e Real ( realeza segundo Jesus, que implica numa vida de serviço – há uma graça particular  que recebemos no serviço)

Encerramento e Celebração

Estes três dias de caminho juntos foi coroado com uma grande celebração eucarística, presidida por Dom Julio Akamine, bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo. Um momento de muita alegria e gratidão pelos 20 anos de caminhada em São Paulo.

Dom Julio trouxe a saudação do arcebispo de São Paulo, Dom Odilo e nos motivou a continuar o caminho em direção a santidade.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

Flickr